BLOG

Confira dicas e novidades da Agência Make Web!

Quando se planeja uma campanha de e-mail marketing, costumo ver que o principal foco dos profissionais de marketing e comunicação está na atração do maior número de destinatários possível para a leitura das mensagens. Afinal, o principal objetivo de qualquer ação de marketing é: audiência e conversão. Tamanha é a nossa concentração no recado a ser enviado que, muitas vezes, esquecemos que o e-mail marketing deve ultrapassar a redação e a criação de um layout. Há uma série de aspectos a serem observados para que nosso objetivo maior seja atingido. Para criarmos uma campanha digital verdadeiramente bem-sucedida, precisamos ficar atentos a todo um escopo de trabalho, que torna a rotina do envio mais bem sucedida, conquista melhores resultados, visualização e, principalmente, mensuração do ROI. O primeiro passo é, justamente, a criação do template, não somente focado no desenho ou na imagem a ser escolhida, mas no desenvolvimento de um material que será efetivamente visualizado pelos destinatários do e-mail. É preciso entender, antes de mais nada, que provedor não vê layout, mas sim códigos HTML. Se isso não for bem trabalhado, a entrega pode ser comprometida por conta da dificuldade na visualização da mensagem. Portanto, nessa etapa inicial, a questão ainda não é criação, mas sim desenvolvimento tecnológico. Em segundo lugar, é necessário integrar as boas práticas de e-mail marketing e usabilidade a esse processo. Otimizar imagens, criar textos atrativos, verificar a diagramação e encontrar o equilíbrio ideal entre texto e imagem. A partir daí é que se inicia o processo de entrega das mensagens, com a segmentação das bases de contatos e escolha dos destinatários mais adequados. É exatamente nesse momento que a plataforma, por si só, ganha fundamental importância, pois traz a capacidade de segmentar a base e distribuir conteúdos relevantes para cada grupo de pessoas de forma programada e automatizada. Porém, entre a segmentação e o envio real há um longo caminho, que precisa ser trilhado a contento para que a entrega cumpra seus objetivos. Quanto mais as empresas se preocuparem em alinhar o Marketing de relacionamento às boas práticas de usabilidade, mais o trabalho caminhará para um processo de fluidez permanente. As ferramentas de relacionamento digital conseguem falar com milhares de pessoas diferentes e responder a todas com a mesma velocidade. Quanto mais “redondo” e bem articulado estiver o sistema utilizado, mais retornos e melhores respostas sua empresa terá. Boas práticas de email marketing, template otimizado, base de contados segmentadas, envio, visualização e click throught. Eis aí o ciclo de um trabalho realmente bem articulado. Não se pode esquecer que uma boa plataforma de envio não faz seu trabalho sozinha. Ela precisa estar a serviço de uma equipe bem preparada para dar o retorno esperado. Isso é o que chamamos de Inteligência Digital, ou seja, aplicar conhecimentos, adquiridos por meio de atuais estudos e pesquisas que possibilitam a geração de um retorno alinhado às expectativas de todo e qualquer marketing. Sabemos que os softwares, por mais completos que se apresentem, precisam de uma programação adequada de acordo com a demanda de cada empresa, que pode ser feita pelas equipes. Sem a necessidade de mexer em sua estrutura tecnológica, os sistemas vêm preparados para serem alinhados com o foco de cada organização. Uma equipe que entende bem o e-mail marketing e também a importância da comunicação digital para análise de reputação da marca, alinha tudo isso às funcionalidades de uma plataforma, sem dúvida, contribui em prol de algo muito maior: a fidelização de seu público a cada clique realizado em uma mensagem. Fonte:Mundo do Marketing, Ricardo Ramos

Instagram @AgenciaMakeWeb

Curta nossa FanPage!